Cloudbeds

Configurações de Canais

O sistema Cloudbeds integra funcionalidades de Gestão Hoteleira (Property Management) e Gestão de Reservas com seu módulo de Distribuição, através do poderoso Channel Manager MyAllocator rodando nos bastidores.

O conceito de Gestão de Canais é baseado no ideal de integrar um número quase infinito de empreendimentos hoteleiros em todo o mundo com um grande (enorme!) número de OTAs (Agências de Viagem Online) também espalhados pelo mundo. Hotéis diferentes possuem formas de trabalho diferentes e cada OTA também tem seus procedimentos, configurações e variáveis próprias. Tarefa árdua, sabemos.

SAlgumas destas diferenças devem ser consideradas quando trabalhar com OTAs específicas. Algumas podem ser ajustadas manualmente e algumas requerem adequações na forma de configurar o sistema Cloudbeds (especialmente invetário e tarifas). Sem mais delongas, seguem alguns detalhes sobre os principais canais utilizados pelos cliente Cloudbeds.*

Planos Tarifários cadastrados nas Extranets – aplica-se a todos os canais

O sistema não atualiza valores ou recebe reservas de qualquer tarifa promocional criada pelo hoteleiro diretamente nas extranets das OTAs. A conexão da Cloudbeds é feita com apenas um plano tarifário.

Tarifa para Hóspedes Adicionais – aplica-se a todos os canais

O Módulo de Distribuição Cloudbeds comunica apenas as tarifas adicionais para ocupação de uma pessoa adicional por acomodação. Tarifas para uma (ou mais) pessoa adicional além da primeira precisam ser configuradas diretamente na extranet da OTA, nas OTAs que permitem.

Emails de Reserva – aplica-se a Booking.com, Expedia, HotelBeds

Quando uma conexão é estabelecida com o estabelecimento hoteleiro via channel manager, estas OTAs param de enviar emails aos hoteleiros (sobre novas reservas, modificações e cancelamentos). Para Booking.com e Expedia, a Cloudbeds envia emails em lugar deles sempre que receber os avisos da OTA.

Atualização de Inventário para Cancelamentos – aplica-se a AirBnB, Gomio, HostelBookers, HostelTimes, Wimdu

Quando uma conexão é estabelecida com o estabelecimento hoteleiro via channel manager, estas OTAs param de enviar emails aos hoteleiros (sobre novas reservas, modificações e cancelamentos). Para Booking.com e Expedia, a Cloudbeds envia emails em lugar deles sempre que receber os avisos da OTA.

Atualização de Inventário para Modificações – aplica-se a AirBnB, Expedia, Gomio, H360, HostelBookers, HostelTimes, HostelWorld, MalaPronta, Wimdu

Quando uma reserva recebida através destas OTAs é modificada pelo hóspede, a alteração não é enviada ao channel manager. O hoteleiro recebe apenas um email da OTA e deverá alterar a reserva no Cloudbeds manualmente.

Recebimento de Reservas – aplica-se a AirBnB, HostelTimes, Wimdu

Novas reservas feitas nas OTAs não são automaticamente recebidas no sistema Cloudbeds. Estes canais não enviam estas informações. O hoteleiro apenas receberá um email da OTA com os detalhes da reserva e deverá incluir a reserva manualmente no sistema Cloudbeds.

Fechamento de Disponibilidade – aplica-se a to AirBnB, Gomio, H360, HostelBookers, HostelTimes, HostelWorld, Wimdu

Estas OTAs não permitem a suspensão temporária da disponibilidade de inventário (inventário total ou por Tipos de Acomodação), como configurado da tela de Distribuição do sistema Cloudbeds. O fechamento de disponibilidade destes canais deverá ser feito manualmente na extranet das OTAs ou com a ajuda do Gerente de Contas da OTA.


Canais que trabalham via “Calendário” – aplica-se a to AirBnB, FlipKey, Wimdu, 9Flats, HouseTrip

Os canais que trabalham via “Calendário” (calendar-based) são diferentes dos outros. Por exemplo, apenas a informação de disponibilidade é atualizada, sem tarfias, detalhes ou restrições. Funciona em apenas uma direção, do Channel Manager para a OTA.

Estes canais trabalham com arquivos de calendário. O hoteleiro fornece um arquivo especial contendo apenas “compromissos” nos períodos sem disponibilidade, bloqueando assim as datas das reservas. Todas as outras datas em aberto ficam disponíveis para reserva.

Para receber as reservas de volta da OTA, a OTA deverá enviar de volta um arquivo de calendário com as datas ocupadas. Mesmo quando disponíveis, estes calendários não costumam apresentar detalhes sobre as reservas e hóspedes, apenas o período. Para ver os detalhes completos, o hoteleiro precisa acessar a extranet da OTA.

É importante notar que estes canais não são atualizados imediatamente depois que as mudanças são realizadas no channel manager / módulo de distribuição Cloudbeds, já que eles só “puxam” os calendários em intervalos de 1 hora. Por este motivo, atrasos são bem possíveis de acontecer, mas como o usuário precisa confirmar as reservas manualmente, não é visto como um grande problema.

* Importante: estas informações são fornecidas da forma recebida pelos Canais / OTAs, ou identificadas durante as atividades de integração e conectividade entre sistemas. Para mais detalhes, entre em contato com o atendimento ao cliente do canal / OTA. A Cloudbeds não se responsabiliza pela integralidade e acuracidade destas informações, bem como por mantê-las atualizadas.