TENDêNCIAS DA INDúSTRIA

5 tendências do setor de hotelaria para 2023 e como os donos de propriedades podem se preparar

Nancy Huang

Por Nancy Huang

Depois de um 2021 caótico e cheio de incertezas, hoteleiros viram a demanda crescer em 2022 com as “viagens de vingança”, nas quais temos a redução das restrições e os turistas ansiosos para voltar a sair e explorar. Embora esse aumento na demanda tenha sido bem-recebido, operadores de hotéis, hostels e pousadas enfrentaram falta de mão de obra significativa e imprevisibilidade devido às práticas dos turistas em reservar várias viagens para um mesmo período (trip stacking) e às mudanças nas regulamentações governamentais.

O setor foi resiliente e, no final de 2022, a indústria hoteleira dos EUA ultrapassou a RevPar anterior à pandemia em 6,4%, e a ADR aumentou em 12,8%. Os avanços tecnológicos que levariam anos (ou até décadas) antes da pandemia foram adotados por negócios hoteleiros de todos os tipos conforme a tecnologia de autoatendimento, como check-in digital, fechaduras sem chave, chatbots e pagamentos sem contato, se tornou mais amplamente usada.

Ainda que possamos esperar desafios em 2023 devido às taxas de inflação crescentes, incerteza econômica e falta de mão de obra contínua, as novas tendências da hotelaria trazem oportunidades animadoras para hoteleiros e hóspedes.

Veja cinco das últimas tendências para definir suas estratégias e ter sucesso em 2023.

 

1. As viagens baseadas em valor ganham prioridade

De acordo com o índice anual da Euromonitor International, as viagens internacionais devem ter um aumento de 40% em 2023. Embora seja antecipado um boom nas viagens, as formas como as pessoas viajam mudarão.
Com a inflação e a incerteza econômica prevalente no mundo todo, mais turistas repensarão como aproveitar ao máximo o dinheiro. Seja através de reservas na baixa temporada ou acomodações de baixo custo, os turistas estão buscando maneiras de fazer o dinheiro render este ano. Segundo o Expedia, 43% dos turistas ficarão em hotéis de 1 a 3 estrelas em 2023, oferecendo uma oportunidade valiosa para as propriedades de baixo custo lucrarem com as ações de marketing.

Ainda que o preço desempenhe um fator determinante nas decisões dos turistas, o valor e as experiências que os negócios de hotelaria oferecem também terão um papel importante. A gerência da propriedade precisa garantir que os hóspedes sintam que a experiência valeu o custo, e o serviço personalizado será fundamental para esse resultado.

O valor não precisa acompanhar uma etiqueta com preço alto — as propriedades podem oferecer itens adicionais e ofertas simples como:

  • Estacionamento gratuito
  • Coquetel de boas-vindas
  • Passeios guiados a pé
  • Espaços de trabalho (com Wi-Fi rápido e confiável)
  • Descontos de reserva (estadia longa ou de última hora)
  • Políticas de cancelamento flexíveis
  • Upgrades de acomodações

tendências do setor de hotelaria

 

O que os hoteleiros e anfitriões podem fazer para se preparar:

A gestão de receita eficaz terá um papel importante em 2023. Com as mudanças na demanda fora da temporada, os hoteleiros precisam ser flexíveis e ficar por dentro da demanda do mercado e dos preços dos concorrentes. O investimento em tecnologia de gestão de receita para automatizar a estratégia de preços pode ajudar você a maximizar a rentabilidade e a ocupação.

Os upsells são uma ótima forma para hoteleiros e anfitriões aumentarem o valor da experiência do hóspede (e ganharem receita adicional no processo). Determine o que os perfis de hóspedes valorizam e crie upsells atraentes, como ofertas de pacotes ou itens adicionais. Por exemplo, se você atrai muitos amantes de culinária, considere fazer parceria com um operador local para fornecer um tour gastronômico guiado.

 

2. A extinção da recepção

Vários hoteleiros nunca pensaram que veriam a recepção sumir. Ainda que nenhuma varinha mágica consiga acabar com todas as recepções nas propriedades, a tecnologia está rapidamente assumindo a função delas.

As propriedades de todos os tamanhos estão substituindo as atividades da recepção com soluções digitais, incluindo check-in móvel, envio de mensagens aos hóspedes, chaves digitais e concierges virtuais. Essa mudança elimina os tempos de espera, oferece uma experiência do hóspede mais personalizada e ajudará a mitigar os desafios de mão de obra que a indústria continuará a ver em 2023. De acordo com uma pesquisa da American Hotel & Lodging Association em 2022 de outubro, 87% dos hotéis ainda estavam com dificuldade para atrair e reter funcionários.

check-in móvel hoteis

 

O que os hoteleiros e anfitriões podem fazer para se preparar:

Nos últimos anos, as tecnologias digitais se tornaram comuns em várias propriedades de aluguel para temporada, mas este é o ano em que os hoteleiros e anfitriões precisarão adaptar as soluções para otimizar as experiências de viagem. Uma plataforma de hotelaria com ferramentas robustas de engajamento com os hóspedes pode ajudar a apoiar essa transição de uma recepção tradicional para uma experiência moderna.

Repense sua experiência de boas-vindas em 2023 e considere como torná-la mais otimizada. Ofereça experiências incríveis ao receber os hóspedes na propriedade, formar conexões durante a chegada e projetar espaços envolventes para os hóspedes interagirem uns com os outros e com os funcionários. Ao remover a barreira da recepção, os hoteleiros podem desenvolver relacionamentos mais profundos com os hóspedes e fornecer um atendimento mais criativo.

Com a ajuda da tecnologia para substituir tarefas comuns, você também pode trabalhar em melhorar os esforços de retenção de funcionários ao criar funções de recepção mais interessantes e recompensadoras.

 

3. Blended travel e hospedagem híbrida

O “blended travel” está em alta este ano, com o Vasu Raja, diretor comercial da American Airlines, revelando que, em setembro de 2022, quase metade da receita da companhia foi gerada por essas viagens híbridas — um número que dobrou — e deve impulsionar um crescimento real de receita em 2023. Os turistas adeptos do “blended travel”, que variam de trabalhadores remotos a nômades digitais, famílias, workcations e retiros corporativos, precisam de diversas opções de acomodação e comodidades.

Os hóspedes esperarão mais escolhas e flexibidade nas acomodações hoteleiras, e as propriedades podem se adaptar para fornecer opções como suítes, acomodações privativas, dormitório e acomodações estilo apartamento, tudo em uma única instalação.

Esse estilo de hospedagem híbrida cresceu em popularidade entre os negócios hoteleiros e propriedades de todos os tipos começaram a se misturar, com marcas de hotéis entrando nas propriedades de aluguéis para temporada (como Mariott Homes & Villas), e propriedades de aluguéis para temporada se tornando mais parecidas com hotéis (como Sonder). A Skift se refere a essa mudança como a grande fusão e prevemos o aumento de mais propriedades flexíveis em 2023.

Essa evolução é evidente em uma pesquisa recente conduzida pelo Hotel Tech Report, em que os hotéis participantes notaram que 15% das reservas eram feitas no Airbnb, uma agência de viagens online (OTA) que antes consistia predominantemente de propriedades de aluguéis para temporada.

hotel guest

 

O que os hoteleiros e anfitriões podem fazer para se preparar:

2023 será o ano da escolha. O “bleisure travel” deve permanecer forte, com a estimativa de 75% dos funcionários capazes de trabalhar remotamente continuarem a trabalhar de forma completamente remota ou híbrida em 2023. Esse grupo de turistas permanece em hotéis por longos períodos e é atraído por propriedades flexíveis com uma mistura de tipos de acomodação e áreas comuns.

Os operadores de hotelaria precisam determinar quais tipos de acomodações fazem mais sentido para cada perfil demográfico e reconfigurar as ofertas para atrair turistas. A tecnologia terá um papel fundamental no suporte a uma combinação de tipos de acomodações em uma única propriedade. Procure uma plataforma de hotelaria que permita gerenciar e vender facilmente um inventário flexível.

Não sinta a necessidade de rotular sua propriedade. Em vez disso, deixe claro quais experiências os hóspedes podem esperar ao ficar com você. Destaque comodidades e tipos de acomodações e anuncie sua propriedade em plataformas de OTA fora do seu mix de distribuição usual.

 

4. A evolução da pesquisa de viagens se move em direção ao vídeo

Ao pensar nos métodos de pesquisa que você usa diariamente, muitos de nós podem concordar que o vídeo tomou a liderança na forma como consumimos conteúdo e a tendência continua na pesquisa de viagens. Uma pesquisa do Google de dezembro de 2022 descobriu que mais da metade dos participantes usam vídeo na pesquisa de viagens (apontando especialmente para o YouTube com 41%).

Os vídeos curtos, em especial, estão ganhando popularidade rapidamente, tornando o TikTok e o Instagram plataformas críticas para a pesquisa de viagens. Com mais de 1,5 bilhão de usuários ativos, a Geração Z e os Millennials dominaram o TikTok. #Travel no TikTok tem mais de 94 bilhões de visualizações e inclui um mix de vídeos mostrando as viagens das pessoas e recomendações de lugares para ficar e coisas a fazer. Os usuários são inspirados por esses vídeos e estão usando as experiências e os conselhos de outras pessoas para planejar suas próximas férias.

travel booking

 

O que os hoteleiros e anfitriões podem fazer para se preparar:

O Google já está mudando seu algoritmo para favorecer vídeos de formato curto (o Google considera como curto qualquer vídeo abaixo de 10 minutos — mas quanto mais curto, melhor), tornando esse meio importante para a priorização pelos operadores de hotelaria este ano. A inclusão de vídeos no seu site ajudará a impulsionar suas classificações de SEO, atrair mais visitantes e aumentar as reservas diretas.

Estar presente em canais de redes sociais como o Instagram, o TikTok e o YouTube também será crucial este ano, já que os usuários continuarão a usar essas plataformas para a pesquisa de viagens. Aproveite o conteúdo gerado pelo usuário e incentive os hóspedes a gravar e postar vídeos que você pode republicar e compartilhar.

Os usuários do TikTok, em especial, confiam no conteúdo de outros turistas mais do que de marcas, então use esses vídeos e seja autêntico na criação de vídeos. O relatório de tendências do TikTok de 2023 prevê que as três grandes tendências este ano incluirão:

  • Entretenimento prático. As mensagens da marca devem ser inspiradoras, engraçadas, personalizadas ou divertidas.
  • Criar espaço para a alegria. Os usuários estão buscando bem-estar e autocuidado expressivos. As marcas devem criar conteúdo que ajude as pessoas a encontrar alegria por meio de humor, descontração e pontos de vista que geram identificação.
  • Ideais criados pela comunidade. As marcas devem explorar nichos e não ter medo de serem específicas com seu conteúdo. Entender os principais grupos e amplificar as vozes que os definem será crucial.

turistas hoteis

 

5. Mudança de comodidades para experiências

Já se foi o tempo em que os turistas procuravam apenas um hotel com uma cama quentinha para passar a noite. O turista atual procura uma acomodação que se encaixe na experiência que ele imagina para suas férias inteiras.

Por exemplo, um turista ecologicamente correto pode ser atraído para uma propriedade que oferece experiências gastronômicas “farm-to-table” (da fazenda à mesa), esforços de sustentabilidade nas acomodações e excursões a santuários locais.

A forma como as comodidades e os valores de uma propriedade se alinham para oferecer uma experiência única será uma consideração essencial para os turistas durante a reserva de uma acomodação este ano e mudará a maneira como as pessoas pesquisam e reservam viagens. O Expedia prevê que 2023 será o ano do “sem normal”, com os turistas trocando viagens convencionais por viagens baseadas em experiências. “Cowboy-cations”, “Foodie-menities” e “Set-Jetters” são apenas algumas das novas grandes tendências que identificamos.

O que os hoteleiros e anfitriões podem fazer para se preparar:

2023 é o ano em que os operadores de hotelaria devem definir a experiência do hóspede e decidir em quais comodidades e conceitos investir. Divulgar as ofertas da sua propriedade será fundamental conforme as OTAs e os outros sites de reservas mudarem a forma como os usuários compram viagens. Por exemplo, em 2022, o Airbnb apresentou as “Categorias” para permitir que os viajantes buscassem estilos específicos de casas (castelos e tiny houses) e experiências (golfe e esqui).

Conheça seus hóspedes e identifique seus perfis para entender como oferecer melhores experiências. Colete informações demográficas sobre os hóspedes do seu PMS e CRM e considere fazer pesquisas com os hóspedes para ter informações mais detalhadas. Esses dados ajudarão você a desenvolver novas comodidades, criar iniciativas de marketing hoteleiro interessantes e implementar novos processos para oferecer experiências personalizadas aos hóspedes.

 

pesquisa de satisfação do cliente

 

Tendências da hotelaria para ficar de olho

Para encerrar nossas previsões de tendências da hotelaria para 2023, aqui estão algumas menções notáveis que vamos observar este ano para ver como elas evoluem.

  • IA/metaverso. Um dos tópicos de discussão mais em alta este ano é o metaverso e como a indústria usará a realidade virtual e a realidade aumentada para criar experiências mais imersivas. Não esperamos que as experiências de metaverso fiquem populares nas viagens ou na hotelaria este ano, mas ChatGPT está mostrando algo promissor na oferta de itinerários e recomendações de viagens. Muitas empresas estão discutindo maneiras de incorporar o bate-papo com IA nos seus produtos. Pode ser apenas uma questão de tempo até que as empresas de viagens também integrem esse recurso nas suas plataformas.
  • Sustentabilidade. As empresas hoteleiras estão levando a sustentabilidade mais a sério, pois as mudanças climáticas continuam a ter efeitos adversos em destinos do mundo todo. A Skift prevê que 2023 será o ano em que a sustentabilidade passará do marketing para as operações, com os operadores de hotelaria encontrando maneiras mais holísticas de integrar os esforços de sustentabilidade às propriedades.
  • Acomodações inteligentes. Conforme os hotéis incorporam mais tecnologias digitais em todos os departamentos, os quartos inteligentes se tornam cada vez mais populares. Fechaduras de portas sem chave, tecnologia de controle de voz e controles de acomodações remotos são recursos que podemos esperar ver conforme as propriedades dão maior ênfase à tecnologia nos próximos anos.

 

Oferecendo experiências únicas e significativas em 2023

Em 2022, tendências como o “revenge travel” e “trip stacking” surgiram com a demanda reprimida devido à falta de viagens durante a pandemia. Os problemas de mão de obra estavam mais prevalentes do que nunca, e a adoção de novas tecnologias aumentou à medida que os operadores de hotelaria viram que poderiam usar a automação para fazer mais com menos.

Em 2023, a indústria parece confiante de que a demanda pelas viagens continuará alta, apesar das pressões da inflação. No entanto, as empresas hoteleiras ainda precisam determinar como suas operações podem ser mantidas com uma mão de obra reduzida. O bem-estar dos hóspedes e dos funcionários será uma prioridade, com a demanda crescente por propriedades que têm um ponto de vista claro e oferecem experiências únicas e significativas.

 

Pronto para começar a resolver os maiores desafios que seu negócio enfrenta atualmente?
Publicado em 30 janeiro, 2022
loading background.

Sobre Nancy Huang

Nancy Huang

Nancy Huang é Diretora de Comunicações de Marketing na Cloudbeds. Nancy tem 15 anos de experiência em marketing de hotelaria e viagens, no campo da tecnologia e e-commerce. Adora viajar, conhecer restaurantes e nadar em lagos bem frios quando não está estudando as tendências de viagens ou idealizando campanhas de marketing.

INSCREVA-SE
Obtenha ideias brilhantes e práticas recomendadas diretamente na sua caixa de entrada
FREE EBOOK

e-Book de Software de Gestão Hoteleira

Seu negócio pronto para o futuro - Um guia para escolher o melhor Sistema de Gestão Hoteleira.
Obtenha o e-Book
Cloudbeds
Uma plataforma projetada para ajudar os hoteleiros a gerar receita, economizar tempo e aumentar satisfação do cliente.
Cloudbeds
Web Beacon