DICAS E TRUQUES

As principais certificações de sustentabilidade para seu eco hotel

Linda Pashaj

Por Linda Pashaj

O movimento ecológico/verde/sustentável se tornou popular e não há sinal de parar. Vários consumidores conhecem as certificações ecológicas para hotéis que atestam essas práticas de hospedagem, e a escolha de uma propriedade para reserva depende dela ser ecologicamente correta.

A tendência é confirmada pelas estatísticas: 56% da Geração Z prefere ficar em acomodações sustentáveis e 70% dos viajantes globais são mais propensos a reservar uma acomodação ao saber que ela é ecologicamente correta. Os viajantes que reservam hotéis verdes podem ser especialmente lucrativos: eles costumam ficar três dias a mais que os outros hóspedes e 47% paga mais por um produto sustentável.

Há vários tipos de certificações, desde gratuitas até de alto custo. O TripAdvisor, por exemplo, oferece certificação gratuita com base em uma pesquisa. A maioria das certificações tem custos porque auditores terceiros precisam visitar a propriedade. Esses auditores conduzem uma análise completa das práticas ambientais. Algumas certificações funcionam bem para todas as propriedades, e outras não. Por exemplo, o LEED só faz sentido para construções novas e projetos de grandes reformas.

Lembre-se de que cada certificação tem seus próprios custos. Aquelas que precisarem de visitas presenciais ou frequentes serão muito mais caras que outros programas oferecidos por empresas e associações menores. É claro que esse custo compensa graças ao prestígio das certificações reconhecidas globalmente. Tudo se resume à sua propriedade e se os hóspedes que deseja alcançar responderão de maneira favorável à certificação de hotel verde.

O resultado ideal de uma certificação ecológica não é apenas proteger o meio ambiente, mas promover seu perfil entre viajantes com a mesma opinião. Ao selecionar as certificações, priorize aquelas que podem aumentar sua visibilidade para hóspedes em potencial!

 

O que é um hotel verde

Um hotel verde, também conhecido como hotel sustentável ou eco hotel, prioriza a sustentabilidade nas suas operações. Dentro dessa definição de hotel verde, há um amplo leque de diferentes abordagens.

De um lado, temos hotéis construídos do zero com o foco na sustentabilidade. Esses eco hotéis consideram a sustentabilidade desde a fase de planejamento para minimizar o impacto ambiental. As práticas de construções sustentáveis são ecologicamente corretas, usando menos energia e desperdiçando menos materiais brutos durante o processo. A propriedade finalizada incorpora acessórios e tecnologias que promovem a gestão de resíduos, economia de energia e preservação da água, como sistemas de energia solar e reciclagem de água. Considerando o esforço e os gastos necessários, esses hotéis geralmente ganham uma certificação que reconhece sua sustentabilidade. (Abordaremos as certificações globais mais comuns para hotéis abaixo).

Do outro lado do espectro da sustentabilidade, temos hotéis que deixam suas práticas e propriedades mais ecologicamente corretas. Esses hotéis verdes talvez não tenham seguido práticas sustentáveis de construção, mas visam a sustentabilidade nas suas operações. Isso pode incluir aspectos como a captura e o reuso da água da chuva, vasos de baixo fluxo e luzes de LED, além de programas que incentivam os hóspedes a trocar toalhas e roupas de cama com menos frequência.

 

Como tornar meu hotel verde?

Há varias formas de estabeler suas credenciais de hotel verde. É claro que algumas são melhores que outras. A pior coisa que você pode fazer é dizer que seu hotel é sustentável da boca para fora e depois ser acusado de greenwashing — o termo para empresas que promovem grandes credenciais verdes sem fazer mudanças significativas.

Em geral, você precisará considerar o seguinte:

  • Melhorar a sustentabilidade da propriedade em relação ao uso da água, eficiência energética e gestão de resíduos.
  • Maximizar os benefícios econômicos e sociais para a comunidade.
  • Reduzir os impactos ambientais negativos.
  • Avaliar a sustentabilidade da cadeia logística, já que isso reflete no seu hotel durante o processo de certificação.

O melhor caminho para tornar seu hotel verde é primeiro decidir as certificações que gostaria de buscar. Como cada certificação de eco hotel tem requisitos próprios, isso garante a tomada das medidas necessárias para qualificação. Caso contrário, você arrisca investir recursos em algo que não o ajudará a ganhar a valiosa certificação para aumentar sua credibilidade aos olhos dos viajantes conscientes.

green hotel certifications

 

Certificações de eco hotéis: Global

LEED. O LEED é um programa que reconhece as propriedades construídas do zero com práticas sustentáveis. Como só se aplica a propriedades novas, ele não é relevante para todos. No entanto, se você estiver no meio de uma reforma significativa, veja os padrões de certificação do LEED para conferir se a qualificação vale a pena. É uma ótima credencial que destaca seus selos verdes para viajantes sustentáveis!
O LEED oferece quatro níveis de certificação. O número de pontos determina o nível. Certificado, 40-49 pontos, Silver, 50-59, Gold, 60-79, e Platinum, acima de 80. A certificação LEED é reconhecida em todo o mundo como um selo de primeira da construção verde. Essa ferramenta interativa de descoberta do LEED guiará você no processo de tomada da decisão. Apesar de ser um programa sediado nos Estados Unidos, qualquer propriedade pode buscar a certificação: 44% dos metros quadrados em busca do LEED estão fora dos EUA.

Green Globe. A certificação Green Globe não mede apenas a sustentabilidade ambiental, social e econômica do próprio negócio, mas também dos parceiros da cadeia logística. Usando 44 critérios principais e 380+ indicadores de compliance, essa avaliação holística em 360º faz do Green Globe uma das certificações mais completas para hotéis verdes no mundo todo.

A certificação Green Globe também tem três níveis. Por isso, ainda que o hotel esteja nas fases iniciais da jornada de sustentabilidade, ainda é possível participar do programa. A Green Globe usa auditores terceiros para conduzir uma análise justa da propriedade. Além da certificação, ela oferece treinamento para ajudar as propriedades a ser o mais sustentável possível.

GreenLeaders do TripAdvisor. O GreenLeaders foi criado para reconhecer hotéis e pousadas verdes com práticas ecologicamente corretas. O benefício é um destaque especial no perfil da propriedade: um logotipo GreenLeaders é exibido para mostrar o compromisso com o meio ambiente. O programa considera, por exemplo, o reaproveitamento de lençóis, o monitoramento do consumo de energia, a reciclagem, luzes com eficiência energética, o tratamento de esgoto e estações de recarga elétrica.

O selo GreenLeaders aparece nos perfis das propriedades qualificadas, impulsionando o marketing para um grupo essencial de hóspedes.

Há quatro tipos de selo, bronze, prata, ouro e platina, e cada um corresponde a um nível diferente de compromisso com as práticas sustentáveis. A certificação é gratuita e baseada em uma pesquisa respondida pelo hotel. É moleza! Ainda que o hotel só atenda aos requisitos bronze, o selo pode aumentar a visibilidade e credibilidade entre os usuários do TripAdvisor.

Green Key Global. O Green Key Global é uma entidade de certificação ambiental projetada para hotéis e reuniões. Conforme mais empresas consideram a pegada de carbono e o impacto ambiental, a certificação é ideal para hotéis do setor de reuniões.

Com um grande foco na América do Norte e do Sul, o Green Key usa o “Eco-Rating” para avaliar hotéis. Esse sistema de classificação atribui 1 a 5 chaves com base no nível de compliance com o programa. 5 chaves é a avaliação mais alta. Depois de ganhar um prêmio inicial, a propriedade recebe orientações sobre como manter e melhorar o nível da chave. A avaliação é baseada nas práticas sustentáveis em toda a operação, incluindo: preservação de água e energia, gestão ambiental e de resíduos, qualidade do ar interior, alcance comunitário, infraestrutura do edifício e uso da terra.

Green Tourism Active. O GTA Global, reconhecido pelo GSTC, oferece verificações no local para a certificação. Essas avaliações abrangem práticas sustentáveis de consumo da energia, conservação da água, compra sustentável, conservação cultural, práticas da equipe, entre outras.

O GTA tem quatro níveis de certificação: Green Initiate (35% de aprovação), Green Leader (60% de aprovação), Green Champion (80% de aprovação) e Green Champion com Distinção (90% de aprovação). É uma organização sem fins lucrativos, então as certificações são geralmente mais acessíveis para propriedades menores e independentes.

Programa Green Lodging da Audubon. A Audubon International, uma organização global sem fins lucrativos focada na educação ambiental e na gestão de recursos naturais, também certifica propriedades de hospedagem. O Programa Green Lodging da Audubon fornece verificação terceirizada para hotéis que atendem a um conjunto específico de padrões ambientais, com foco na qualidade da água, preservação de recursos, redução de resíduos e eficiência energética.

A certificação tem quatro níveis: Autoavaliação, em que você aprende práticas recomendadas e envia uma inscrição oficial; Avaliação, em que a equipe avalia e verifica a inscrição; Verificação, quando um auditor independente avalia a propriedade; Eco-classificação, quando você recebe a certificação e sugestões de melhoria. As taxas anuais são baseadas no número de quartos e anos no programa, a partir de US $250 para propriedades com até 50 quartos.

Green Seal. O Green Seal é uma organização sem fins lucrativos que empodera consumidores e empresas usando programas baseados em ciência para criar um mundo mais sustentável. A certificação Green Seal é um processo rigoroso que inclui o monitoramento de compliance anual e o compromisso com a melhoria contínua.

A certificação para hotéis e acomodações tem três níveis: bronze, silver e gold. A avaliação analisa o desempenho em relação à redução de resíduos, economia de energia, gestão de água, prevenção da poluição e consumo ecologicamente correto. A taxa da certificação bronze começa em US $1.950 e aumenta por nível (bronze, silver e gold) e tamanho de quarto.

EarthCheck. Em funcionamento desde 1987, EarthCheck é uma enorme organização global que fornece um pacote de serviços de consultoria, software e certificação. O processo de certificação da EarthCheck é rigoroso e abrange todos os tipos de acomodações, desde pequenas pousadas e apartamentos mobiliados até grandes resorts. A avaliação inclui uma variedade de critérios, como eficiência energética, planejamento do uso da terra, proteção da qualidade do ar, gestão de resíduos, emissão de gases do efeito estufa e gestão social e cultural. Para ver a experiência de uma cadeia de hotéis, confira o estudo de caso da Meliá Hotels International, com certificação EarthCheck.

A certificação também oferece uma vantagem de marketing com o nome da EarthCheck: os jornalistas a usam para filtrar os hotéis realmente sustentáveis. O alcance da EarthCheck é global, certificando organizações em mais de 70 países.

Travelife. A Travelife é um programa internacional de certificação de sustentabilidade aprovado pelo Global Sustainable Tourism Council. O prêmio é baseado em uma avaliação dos sistemas de gestão da sustentabilidade, gestão ambiental, direitos humanos e trabalhistas e integração comunitária do ponto de vista do cliente e do fornecedor. Veja a lista completa de critérios aqui.

Todos os hotéis e acomodações certificados pela Travelife passam por uma auditoria independente no local para receber o prêmio. As propriedades podem receber o Travelife Gold ou o Travelife Award of Excellence e precisam passar por uma auditoria a cada dois anos para manter o prêmio.

 

Certificações de eco hotéis: Europa

Green Tourism (Reino Unido). A Green Tourism já certificou mais de 2 mil membros no Reino Unido, na Irlanda e no Canadá. Os critérios são divididos em dez áreas, cada uma com 150 critérios diferentes.

Programa de Certificação Eco Tourism Ireland (Irlanda). A Certificação Sustainable Travel Ireland atende aos padrões do GSTC, além de ter Auditores Externos e um comitê de avaliação. Há três níveis de certificação, de bronze a gold.

European Ecotourism Labeling Standard (EETLS)

Ecolabel ou Eco Flower (UE). O programa Ecolabel identifica produtos sustentáveis e ecologicamente corretos. Embora não seja uma certificação direta para hotéis, deve ser levada em conta para propriedades sediadas na União Europeia. Ao usar produtos com esse rótulo, será mais fácil se adequar aos outros padrões de certificação.

 

Certificações de eco hotéis: América

Energy Star (Estados Unidos). O Energy Star tem como objetivo gerar benefícios ambientais e valor econômico pela eficiência energética excepcional. Ele avalia os negócios com base em uma pontuação de 1 a 100. Com a ferramenta de monitoramento do Portfolio Manager, negócios (como hotéis) podem comparar seu desempenho. É uma forma ótima e gratuita de identificar a eficiência energética de uma propriedade.

Certificação Sustainable Tourism (América Central). Inicialmente criada na Costa Rica para gerenciar o turismo de maneira mais sustentável, essa certificação se tornou mais amplamente adotada na América Central. Saiba mais sobre a CST aqui (em espanhol).

Programa de certificação GREAT Green Deal (América Central). Um dos 20 melhores programas do mundo, o Great Deal é voltado a propriedades de hospedagem de todos os tipos e tamanhos, além de empresas de viagens, como operadores turísticos, fornecedores de transporte, restaurantes etc. Mais informações aqui (em espanhol).

Sistema de Distinción en Turismo Sustentable (Chile). O governo chileno criou esse padrão para o turismo sustentável no país. A certificação é baseada em padrões econômicos, socioculturais e ambientais, divididos em 57 critérios de avaliação. As acomodações qualificadas podem ganhar três níveis diferentes de distinção.

Hoteles + Verdes (Argentina). Com a certificação “Hoteles Más Verdes“, que atende aos padrões do Global Sustainable Tourism Council, os hotéis argentinos podem ganhar três níveis diferentes de certificação, bronze, silver ou gold.

 

Certificações de eco hotéis: África

Fair Trade Tourism (África Meridional). Essa organização sem fins lucrativos certifica negócios na África do Sul, em Madagascar, em Moçambique e no Zimbábue. Além disso, tem relações mútuas com programas de certificação na Namíbia, nas Seicheles, em Botsuana, no Quênia e na Tanzânia. Os critérios de referência incluem operações, compras, condições de trabalho e salários justos, distribuição equitativa de benefícios e respeito aos direitos humanos, à cultura e ao meio ambiente.

Ecotourism Kenya. O objetivo da certificação é promover práticas de turismo que preservem o patrimônio cultural e os recursos naturais. A Certificação Eco-Rating avalia o desempenho em relação a critérios ambientais, econômicos e socioculturais de referência.

Green Star Hotel (Egito). Criado pela Associação de Hotéis do Egito, com o apoio do Ministério de Turismo, o Certificado Green Star Hotel monitora as práticas de gestão ambiental dos membros, bem como a operação dos alimentos, das bebidas, das funcionalidades e da experiência do hóspede.

 

Certificações de eco hotéis: APAC

Eco Certification (Austrália). O programa Eco Certification certifica passeios, acomodações e atrações focadas na natureza. Há três níveis de certificação: turismo de natureza, ecoturismo e ecoturismo avançado. As empresas australianas considerando o programa podem usar uma ferramenta de avaliação útil para ver se já estão perto da certificação.

Asian Ecotourism Standard for Accommodations. O AESA foi oficialmente reconhecido pelo painel de credenciamento do GSTC em 2019 e foca em eco resorts e acomodações ecológicas na região APAC. Veja se sua propriedade se qualifica na ferramenta de autoavaliação gratuita.

 

Quais as certificações ambientais ideais para sua propriedade?

As certificações listadas acima não são adequadas para todos os tipos de propriedades. Porém, há uma solução verde para todas as propriedades dispostas a dedicar tempo e esforço.

Grandes cadeias independentes:

  • TripAdvisor GreenLeaders
  • Greenkey
  • Green Globe
  • ENERGY STAR
  • Green Seal
  • Audubon
  • LEED (apenas propriedades novas ou reformas)
  • Green Tourism (Reino Unido e Canadá)

Pousadas:

  • EcoLíderes do TripAdvisor
  • Greenkey
  • ENERGY STAR
  • Audubon
  • LEED (apenas propriedades novas ou reformas)
  • Green Tourism (Reino Unido e Canadá)

Independentes/hostels:

  • EcoLíderes do TripAdvisor
  • ENERGY STAR
  • Audubon
  • LEED (apenas propriedades novas ou reformas)
  • Green Tourism (Reino Unido e Canadá)

 

Muitas dessas certificações oferecem estudos de caso abrangentes que descrevem os efeitos positivos de implementar práticas sustentáveis. Obter uma certificação, em especial conduzida por um auditor terceiro, ajudará a confirmar os esforços da equipe, além de convencer os hóspedes sobre sua sustentabilidade.

Depois de reduzir as opções para algumas certificações, peça referências e pesquise a credibilidade de cada organização. Equilibre a minuciosidade da certificação com sua visibilidade entre os tipos de hóspedes que se baseiam na sustentabilidade para decidir onde ficar.

 

Quer saber como a Cloudbeds pode melhorar a sua propriedade?
Publicado em 25 janeiro, 2022
loading background.

Sobre Linda Pashaj

Linda Pashaj

Linda Pashaj is the Content Marketing Specialist at Cloudbeds, the hospitality management software for properties of all sizes. Her previous experience includes running the operations of a small short-term rental agency in Barcelona, as well as content management for a vacation rental software. She is passionate about travel tech, digital marketing and “all things cats”.

INSCREVA-SE
Obtenha ideias brilhantes e práticas recomendadas diretamente na sua caixa de entrada
FREE EBOOK

e-Book de Software de Gestão Hoteleira

Seu negócio pronto para o futuro - Um guia para escolher o melhor Sistema de Gestão Hoteleira.
Obtenha o e-Book
Cloudbeds
Uma plataforma projetada para ajudar os hoteleiros a gerar receita, economizar tempo e aumentar satisfação do cliente.

Você também pode se interessar por...

BLOG

4 passos para criar um Manual de Procedimentos para hotéis (+3 modelos)

BLOG

Como atender – e superar – as expectativas dos hóspedes

BLOG

Como usar análise de dados em hotéis para melhorar a performance

Cloudbeds
Web Beacon